Curta Balada
Quadra Cultural se muda para a Pedreira; Kiss e Ozzy tocam em Curitiba em 2015
Quadra Cultural se muda para a Pedreira; Kiss e Ozzy tocam em Curitiba em 2015

Em 2015, a Quadra Cultural tem tudo para sair do São Francisco rumo à Pedreira Paulo Leminski. As conversas entre Arlindo Ventura, o Magrão (idealizador do projeto cultural e proprietário do Bar O Torto), o Instituto Municipal de Turismo de Curitiba, a DC7 Eventos (responsável pela administração da Pedreira), e a Planeta Brasil (nova parceira da Quadra) “estão adiantadas”. “Dar continuidade ao evento é de interesse do município. As chances de acontecer na Pedreira são de 80%”, afirma Marcelo Contin, superintendente do Instituto Municipal de Turismo, órgão da prefeitura de Curitiba que está à frente das tratativas.
O próximo passo é a definição da data. Contin diz que o evento, que tradicionalmente ocorre no primeiro sábado após o carnaval, pode acontecer no fim de março ou no início de abril – uma reunião deve ser marcada com a Fundação Cultural de Curitiba (FCC) nos próximos dias para discutir a questão. Hélio Pimentel, diretor da DC7, empresa que administra a Pedreira Paulo Leminski, afirma que já houve contato da FCC para avaliar a possibilidade de realizar o evento na Pedreira. Mas as datas disponíveis, devido a agenda de shows internacionais (leia abaixo), seriam apenas para janeiro e fevereiro. “O evento tem importância cultural para acontecer na Pedreira Paulo Leminski. E é interessante porque ‘acerta’ uma coisa que se tornou um problema”, diz Pimentel.

Formato e atrações

Na prática, a Quadra Cultural não mudaria de nome, teria entrada gratuita e aconteceria num sábado, entre as 11h e as 22 horas. O transporte também seria facilitado, por meio de ônibus especiais e pelo incentivo ao uso da bicicleta. Atração confirmada para o evento é Moacyr Franco – Genival Lacerda também está na mira, mas depende do apoio financeiro de parceiros. De Curitiba e região, por enquanto, estão escalados Ivan Graciano (filho do casal Belarmino e Gabriela), Escambau, Iria Braga, e o bonequeiro Renato Perré.

Tamanho

Outra proposta é levar também os bares do entorno do São Francisco até o local, em forma de barracas. “A ideia é repaginar o evento. Talvez não consigamos desenvolver tudo que queremos neste ano. Mas, num futuro próximo, podemos recriar a própria Rua Paula Gomes no espaço da Pedreira”, diz Patrick Cornelsen, da Planeta Brasil. Na última edição, em 2013, a Quadra levou 5 mil pessoas às ruas. “Vamos manter o tamanho original, e fazer um evento para 5 mil, 6 mil pessoas”, conta Cornelsen. A Pedreira Paulo Leminski, após a reforma, comporta até 27 mil pessoas.
Mudança

Realizada no entorno do Bar O Torto, no bairro São Francisco, entre 2010 e 2013, a Quadra Cultural foi cancelada em 2014 depois que o Ministério do Paraná ajuizou ação civil pública para impedir a realização do evento. “A Quadra não é unanimidade entre os moradores do bairro. Isso pesou também”, diz Magrão, para quem a mudança é ao mesmo tempo uma vitória e uma derrota. “A gente perde no que diz respeito à utilização do espaço público da região central. Mas vamos estar num lugar que é referência em cultura em Curitiba. E podemos atingir muito mais pessoas. Isso é uma vitória”, explica.

Kiss e Ozzy

A banda norte-americana Kiss e Ozzy Osbourne, vocalista do Black Sabbath, são, de acordo com Hélio Pimentel, diretor da empresa que administra o espaço atualmente, atrações confirmadas para a Pedreira Paulo Leminski em 2015. As apresentações ainda não têm data definida, mas acontecem durante o primeiro semestre do ano que já bate à porta.

Via Gazeta do Povo

Curta Balada
Quer anunciar em nosso website? mande e-mail para: contato@curtabalada.com.br