Curta Balada
Como adaptar o esmalte roxo para o inverno
Como adaptar o esmalte roxo para o inverno

Se no verão predominaram as tonalidades mais clarinhas e alegres, como o lilás, para o inverno vale adaptar a cor para tons mais fechados e sóbrios. O roxo mais escuro garante um efeito elegante e discreto, perfeito para o clima sofisticado que acompanha as temperaturas mais baixas. “Os roxos são tonalidades muito boas para o inverno por serem mais encorpadas. Os tons mais escuros e fechados são os que mais combinam com o clima frio. Pode-se apostar nos roxos-azulados ou metalizados. Tons tipo berinjela, orquídea e alguns puxados para o vinho, como bordô, também são apostas perfeitas para a temporada”, explicou a consultora.

Por ser uma cor fria, a tonalidade tende a ficar mais harmoniosa com peles também frias, criando um menor contraste entre a pele e o esmalte. Aquelas que têm a pele quente, mas que gostam mesmo é de um toque a mais de ousadia nas unhas, também podem apostar sem medo nos esmaltes roxos.

Acabamentos dão efeito divertido para unhas
São os diferentes acabamentos, no entanto, que vão garantir os efeitos mais divertidos e modernos para as pontinhas dos dedos. O esmalte brilhoso, textura queridinha das mulheres, vai continuar a manter o seu espaço nas produções mais clássicas durante o inverno. Para as mais ousadas, porém, o acabamento opaco vai dar o toque glamouroso que a estação tanto pede. Mas centro das atenções ficará mesmo com os esmaltes metalizados, que garantem efeitos contemporâneos e cheios de charme para qualquer produção. “Aposto bastante nos cintilantes com acabamento metalizado, gliter e sempre, no cremoso-básico”, afirmou Luana Zabot.

Via tudosobremake

Curta Balada
Quer anunciar em nosso website? mande e-mail para: contato@curtabalada.com.br